• Comunicação

MOÇÃO DE REPUDIO, EDUCAÇÃO DO CAMPO DIREITO NOSSO DEVER DO ESTADO

Pastoral da Juventude Rural – PJR

   Diocese de Crateús-Ce

Moção de repúdio

              Os movimentos e pastorais sociais dos Sertões de Crateús e Inhamuns, região noroeste do Estado do Ceará, congregados à Associação Escola Agrícola de Ipueiras (AEFAI), que há quase uma década vem trabalhando incansavelmente para ver efetiva uma EFA em Ipueiras. Projeto esse, demanda antiga dos movimentos sociais, proposta pela já mencionada Associação ao Governo do Estado do Ceará que, para tanto, obteve financiamento do Governo Federal para a construção da estrutura física, com o compromisso de financiamento por 20 anos.

                 Entendemos as dificuldades do Estado em vários aspectos na implantação da primeira Escola Família Agrícola da Rede Pública Estadual, porém, é inaceitável o que presenciamos neste mês de agosto, que por ocasião da decisão do Governo de inaugurar a referida unidade escolar, a contratação de servidores: vigilantes e auxiliares de serviços gerais, bem como a lotação de um coordenador escolar e 4 professores, sem a observância mínima se os mesmos conhecem a metodologia e proposta de trabalho adotada nas EFA’s.

                Assim, enfatizamos que algo que começa errado jamais pode dar certo, pois o sonho, a idealização e finalmente a execução do projeto e construção da EFA Padre Eliésio dos Santos, tão almejada pelas famílias dessa região, não pode servir de acordo espúria entre as oligarquias locais, não pode ser “sequestrada”. Tais ações comprometem totalmente a missão da Escola, assim, solicitamos providências urgentes para assegurar o cumprimento do objetivo da estrutura financiada e construída. Por isso, fazemos este apelo, um grito por socorro, acreditamos na EFA que sonhamos!

            Desse modo, não aceitaremos, jamais, uma coordenação escolar e docentes biônicos que, impostos a esta EFA, possam afastar as famílias, a comunidade, as organizações da sociedade civil e a própria Associação deste projeto. Sendo assim, também não compactuamos com uma seleção de alunos conduzida por tão desmantelada composição. Diante de tal questão, nos resta denunciar e repudiar tão lamentável situação.

Educação do campo é direito, não esmola!

Fora oportunistas e aproveitadores!

Queremos uma EFA de verdade!

Emitem a moção conjuntamente:

Coordenação da PJR da Área Pastoral de Sucesso; Coordenação da PJR da Paróquia de Ararendá; Coordenação da PJR da Paróquia de Independência; Coordenação da PJR da Paróquia de Ipueiras; Coordenação da PJR da Paróquia de Nova Russas; Coordenação da PJR da Paróquia de Novo Oriente; Coordenação da PJR da Paróquia de Quiterianópolis; Coordenação da PJR da Paróquia de Tamboril Coordenação Diocesana da PJR da Diocese de Crateús; Comissão Diocesana da PJR da Diocese de Crateús; Articulação da PJR do Regional Nordeste 1 da CNBB (Ceará).

#Democracia #Juventudes #Formação #Ceará #EducaçãodoCampo #PolíticasPúblicas #PJR #MovimentosSociais

Secretaria Nacional

Rua Francisco Brás, Várzea Rendonda, 204, Sumé, Paraíba - Brasil.

Email: secretariapjrbrasil@gmail.com

Telefone83 99917-2719

Youtube

Facebook

© 2020 Todos os direitos reservados à Pastoral da Juventude Rural  |   Termos e usos  |   Política de privacidade